Total de visualizações de página

terça-feira, 27 de novembro de 2012

SOCIABILIDADE NÃO
DIGNIDADE SIM

Não penso
Logo não existo
Estou certo de minhas incertezas
 
Nem sei se vou ou venho
Prefiro  dizer, quem sabe, talvez
Depende
Agrada a todos  e nunca ofende
 
Sou cheio de duvidas
Admito outras verdades
 
Prefiro não falar
Para não me equivocar

Barbaridade
Não agüento mais isto
Quanta indignidade
99% da sociedade
Acham que não raciocinar
É  sociabilidade
 
    (Orides Siqueira)

Um comentário:

Rosangela Abreu disse...

## Como sempre um belíssimo poema! Poeta! ##