Total de visualizações de página

sábado, 10 de maio de 2014

LUZ DO TEU OLHAR

Quando me entregas 
A luz do teu olhar
E desnudas-me
E com os olhos
De forma delicada
Sinto-me fera domada

Fragilizas
Minhas escusas
E sinto-me lisonjeada

Ficando a deriva

Sinto
Que a fragilidade
Envolve tua alma
Enquanto a minha se dissolve

(Geórgia Siqueira)

Um comentário:

Rosangela Abreu disse...

* Uau!! Adorei poeta. *