Total de visualizações de página

sexta-feira, 27 de maio de 2011


CONSUMIDOR DE AMOR

Com olhos de um consumidor
Imploro e quero todo teu amor
Como espuma que beija o cálice
E olhos de um amante navegador

Divagando na curva do percurso
Como relâmpago a clarear meu crepúsculo
Sinto-me embriagado por sua meiguice e beleza
Como um DNA impregnado desta princesa

Flor deste rebanho de nós humanos
Mendigando amor neste ou em muitos planos
Explicitado em minha carne em todos estes anos
Desfilando em meus desfiladeiros cultos ou profanos

(Orides Siqueira)

Um comentário:

Reviragita Poesia disse...

Maravilhosos os caminhos da poesia.
Gosto muito do seu trabalho.
Gosto muito do seu blog.
Psx e Posia,
Cecília Fidelli.
Quando puder visite os meus blogs também:
- www.ceciliafidellli.blogspot.com
- cimaneski-poeta.blogspot.com