Total de visualizações de página

quinta-feira, 7 de novembro de 2013

CÃO POETA

O meu
Pequeno cão poeta
Se enamorou
De uma cadela vadia
E já não late como antes latia
 
Não dorme
Fica olhando a estrada
E uiva o nome da danada
 
Quando vê o dono
Não mais sacode a cola
Faz cara de arreglo
Mas se vê a cadela
Abraça-se nela
E vão se deitar nos pelego
   

      (Orides Siqueira)

2 comentários:

Rosangela Abreu disse...

### O AMOR É LINDO! E É SÓ PARA QUEM SABE AMAR! LINDÍSSIMO POETA...BJKAS! ###

Orides Siqueira disse...

Beijo Rosangela de Abreu obrigadissimo