Total de visualizações de página

segunda-feira, 15 de setembro de 2014

SEIOS

Olhando seus contornos
Posto-me
E embriago-me em cada poro
Nessa travessia selvagem
Até alcançar essas duas edificações divinas

De um lado e de outro
Com a forma de um sino
Convidando-me a uma eucaristia impar
  

         (Orides Siqueira)

2 comentários:

Rosangela abreu de arruda disse...

Mulher sempre uma perfeição!!! Lindo poeta.

Orides Siqueira disse...

Obrigado querida Rosangela Abre, beijos